Em Tucuruí; vereadores aprovam o afastamento do prefeito Arthur Brito por 90 dias

Fonte : Transnotícias/Zedequias Silva

Em Sessão Extraordinária realizada nesta sexta-feira 01 de dezembro, no plenário da Câmara de Vereadores de Tucuruí, os parlamentares decidiram acatar a denúncia contra o prefeito Arthur Brito (PV), por atos de improbidade administrativa e também decoro e moralidade, já que sua mãe, Josy Brito, é suspeita de está envolvida na morte do ex-prefeito Jones William, assassinado em julho deste ano, o prefeito tem agora 90 dias para apresentar sua defesa.

Na denúncia protocolada na casa de leis pelo denunciante Vereador, Welber Galvão, irmão de Jones William, , foi solicitada a abertura de uma Comissão Processante, além do afastamento imediato do gestor. Após ser lida na integra a denúncia o presidente da Casa de Leis Vereador, Rony Santos, colocou em votação a denúncia o qual foi acatada por unanimidade pelos vereadores. Arthur Brito, que já está afastado pela justiça por improbidade administrativa, caso reverta essa situação, não poderá voltar antes dos 90 dias, imposto pelos vereadores para se defender das acusações. A Comissão Processante (CP) que analisará a denuncia ficou da seguinte forma, vereadores Franscisco Vieira, relator Gualberto Neto e o presidente Antônio Joaquim Cunha "Pepino".

Tânia Zamataro, nos disse que durante essas últimas semanas chegou até mesmo a ser contestada sobre o seu desejo de justiça, e entende esse anseio da população por justiça, mas não podiam pular etapas, todos os trâmites precisam ser respeitados, mas deixou seu recado para a população em geral, "minha vontade por justiça em nenhum momento falhou, fui e sou a representante do legislativo que mais lutou por isso, e hoje pude demonstrar que estamos juntos pelo melhor, e cabe agora à comissão formada analisar os fatos" disse a Vereadora.

Votação para cassação do prefeito Arthur Brito

(Não)

Roni Santos (PSC)

Joaquim pepino (PPS)

Fábio Ulisses (PSDB)

Francisco Vieira (PDT)

 

(Sim)

Deley Santos

Ilma do nenel (PPS)

Nilvan Oliveira (PSC)

Paulo do 11 (PDT)

Gualberto Neto (DEM)

Tânia Zamataro (15)

Marcelo campos (15)

Branco terra seca (PSDB)

Jorge Anderson (PSB)

 

Não votaram;

Welber Galvão (PMDB) Irmão do ex-prefeito Jones William.

Lucas Brito (PV) Irmão do prefeito afastado Arthur Brito.